Notícias

08.out.2019 RSS Senge

Criação de Fórum em Maringá discutirá os impactos dos Agrotóxicos

GIRO DAS REGIONAIS: Debate se fortalece em momento que Governo Federal libera mais produtos nocivos

Senge-PR participe de debates sobre a criação de Fórum

Senge-PR participe de debates sobre a criação de Fórum

MARINGÁ | Diretores regionais do Senge-PR participaram de uma reunião a convite do Ministério Público do Trabalho de Maringá. Na pauta está a criação de um Fórum Regional para discutir os impactos dos agrotóxicos, agroecologia e transgênicos no noroeste do estado. A expectativa é de que o Fórum seja constituído até a segunda quinzena de novembro.

A sugestão de criação do Fórum ocorre no momento em que o Ministério da Agricultura fez a liberação de mais 57 produtos, sendo que 46 ingredientes não constavam na lista desse ano. Agora, em 2019, já foram liberados 382 novos produtos. De acordo com o jornal Folha de São Paulo, a intenção da Anvisa é “esvaziar a fila de agrotóxicos e modernizar os pesticidas”.

Para o Greenpeace, a posição do governo em relação aos agrotóxicos tem sido uma afronta ao meio ambiente e uma ameaça não somente à saúde da população, como também à própria produção agrícola. É veneno que não acaba mais e um desrespeito sem tamanho à sociedade, que pede mais saúde e alimentos de verdade.

Fórum

A ideia do fórum regional é discutir a questão do agrotóxico, transgênica e agroecologia. Até a sua fundação está em discussão a “avaliação e relação de possíveis atividades próprias do Fórum Regional ou a partir das ações do Fórum Estadual e a relação das Entidades e Órgãos públicos ou privados e Instituições que serão convidadas para participar do Fórum Regional”, de acordo com Dr Fábio Alcure, do MPT Regional, em Maringá.

*****

negociacoes

Negociações com Itaipu começam nesta terça-feira
FOZ DO IGUAÇU | Acontece nos dia 8 e 9 de outubro a primeira – e talvez única – rodada de negociações entre os sindicatos e a direção da Itaipu Binacional na campanha do ACT 2019/2020. A data-base dos engenheiros da Itaipu é 1o de novembro. Para formação da pauta de reivindicações, a Regional Foz contou com o auxílio de um formulário on-line para consulta aos profissionais da categoria. Uma vez definida, foi discutida e homologada em assembleia e protocolada no final de agosto passado.

****

 

 

 

Senge-PR promove assembleias por todo o estado para debater ACT da Copel
Curitiba | Os 11 sindicatos que formam o coletivo da Copel estão realizando assembleias desde ontem (7) para debater a minuta apresentada pela empresa relativo ao Acordo Coletivo de Trabalho. As AGO ocorrem até o dia 23 de outubro e o resultado da votação será anunciado no dia 24, após apuração que acontece na Copel KM3, em Curitiba.

Os diretores do Senge-PT têm participado de assembleias em todo estado e na Capital. Clique aqui e confira os locais no interior. Em Curitiba, as AGOs têm iniciado hoje e vão até pelo menos o dia 16 de outubro. Clique aqui e confira. Do dia 14 a 18 de outubro, uma urna fica na sede do sindicato, na Rua Marechal Deodoro, 630, 22o andar, onde serão coletados os votos dos engenheiros. Os engenheiros também podem votar em qualquer AGO que seja realizadas pelas entidades que compõem o coletivo.

A proposta da empresa estipula acordo por dois anos, congela auxílio-creche, repõe a inflação conforme o INPC e parcela o abono salarial.